Médico denuncia: Hospital Municipal de Teixeira de Freitas está com apenas 01 sala do bloco cirúrgico em funcionamento


Nossa equipe de reportagem foi procurada na noite de quarta-feira, (25), por um médico do Hospital Municipal de Teixeira de Freitas, para relatar o descaso que a unidade de saúde está sofrendo com a atual administração.

Segundo o profissional de saúde, que manteremos o nome em sigilo pois o mesmo teme retaliações por parte da administração municipal, o hospital conta com 05 salas no bloco cirúrgico, porém apenas 01 sala está em funcionamento.

“Quando o governo Temóteo Brito assumiu, 04 das 05 salas do bloco cirúrgico funcionavam. Hoje, temos apenas uma sala funcionando. Se chegar duas pessoas baleadas ou vítimas de grave acidente, teremos que escolher quem vai viver ou morrer”. Relatou preocupado.

O médico, relata ainda que em outra sala, que estava funcionando, o carrinho da anestesia quebrou e que embora fossem feitos reiterados pedidos para o secretário de saúde  Max Almeida para que consertasse, a situação continua a mesma.

“É desumano, cruel. Imaginei que a  empresa Provida era ruim, mas agora tenho a plena convicção que éramos felizes e não sabíamos”. Completou.

O profissional da saúde alerta ainda sobre a falta de medicamentos e outros problemas enfrentados no hospital.

“Falta tudo, falta medicação, cirurgias de urgência estão sendo remarcadas, porque nunca há sala disponível no bloco cirúrgico, e muitas vezes falta o material necessário. Estamos trabalhando no limite, ou abaixo dele. Como médico, me sinto constrangido em ver pacientes de urgência que há muito já deveriam ter sido operados, mas graças ao descaso, estão com suas vidas em risco, sofrendo, esperando uma solução que nunca chega”. Desabafou

Emocionado o médico alerta para problemas ainda maiores caso uma solução imediata não aconteça.

“Quem precisa de atendimento no hospital municipal, já sabe que irá enfrentar dias de tormentos, angústias e desespero. Famílias inteiras estão a mercê de um gestor que não se preocupa em prestar um serviço médico de qualidade aos seus cidadãos. O que fazemos aqui é enxugar gelo, lutando a cada dia, as vezes em condições desumanas para diminuir o sofrimento da população. O Hospital está com diversos equipamentos quebrados há meses, a estrutura física está condenada, a parte elétrica está uma verdadeira bomba relógio. Só peço a Deus que não aconteça uma tragédia maior, como quase aconteceu quando uma sala dentro do bloco cirúrgico pegou fogo”. Concluiu.

No último dia 11 de março de 2018, o Conselho Municipal de Saúde, juntamente com os profissionais da área e a comunidade, realizaram um abraço simbólico na unidade de saúde, tendo o objetivo de buscar por melhores condições de trabalho e em defesa da saúde pública da cidade.

 

Imagens Vida Diária

A saúde de Teixeira de Freitas tem sido constantemente manchete em jornais de circulação estadual, nacional e nos Tele-Jornais transmitidos pela Rede Globo.

Denúncias e mais denúncias tem chegado ao MPF, realizadas por moradores e órgãos de Classe como o Sindimed (Sindicato dos Médicos) e Conselho Municipal de Saúde.

Nossa equipe irá protocolar denúncia no Ministério Público Federal, para que a denúncia realizada pelo profissional da saúde seja averiguada, bem como iremos acionar os órgãos de classe para que tomem conhecimento dos fatos aqui relatados.

Viviane Moreira \ Verdades Políticas