Cão policial localiza 132 kg de maconha enterrados em quintal de casa Cão policial localiza 132 kg de maconha enterrados em quintal de casa


A cadela policial Singer, da raça Pastor Belga Malinois, localizou na manhã desta segunda-feira 4, cerca de 132 kg de maconha enterrados no quintal de uma casa na cidade de Irecê (distante 478 km de Salvador). A apreensão fez parte da operação São João Limpo e resultou na prisão em flagrante de três suspeitos de tráfico.

Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA),  Luiz Antônio Lopes, o “Lula”, estaria recrutando pessoas para vender drogas na região. Além de Luiz, Carlos Alberto Jesus dos Santos e Djalma Rodrigues Ribeiro Filho foram detidos em um imóvel que vinha sendo utilizado como local de armazenamento pelo trio.

cadelad1Na residência, os policiais encontraram 3 kg de maconha prensada. Ao ser acionada, a cadela Singer farejou mais 132 kg que estavam enterrados no quintal. Munições de calibre 32 e R$ 2 mil em espécie também foram apreendidos. (Informações: A Tarde)

Polícia procura dois presos que fugiram do Conjunto Penal de Teixeira de Freitas


As polícias Civil e Militar de Teixeira de Freitas estão mobilizadas para tentar recapturar dois presos que conseguiram escapar do Conjunto Penal (CP), no último domingo, dia 3 de junho, durante o período das visitas. Os dois detentos que conseguiram escapar eram do regime semiaberto, quando saem pra trabalhar durante o dia e à noite retornam pra pernoitar.

Anílio Ferreira Tavares, o “Tedi do Prado” e Carlos Vinícius dos Santos Sifrônio, o “Tróia”, teriam feito um buraco no muro de um dos pavilhões, por onde escaparam. Segundo a direção da unidade prisional os dois presos fugiram no início da tarde, quando o movimento de visitantes era intenso.

Além do inquérito policial instaurado pela Polícia Civil a própria diretoria do Conjunto Penal de Teixeira de Freitas (CPTF), determinou a abertura de processo administrativo para apurar as circunstâncias das duas fugas.

Um morto e um ferido em atentado a tiros na cidade de Alcobaça


Alcobaça: Na noite da última quinta-feira (31), sendo por volta das 21h00, a Central de Informações da 88ª CIPM recebeu uma ligação informando que duas pessoas teriam sido baleadas em um estabelecimento comercial no Bairro Beija-Flor, situado na cidade de Alcobaça. Uma guarnição se deslocou até o local informado, constatando o ocorrido. As vítimas foram socorridas para hospital local, e um dos baleados foi identificado como Luan Conceição dos Santos, vulgo “Mamão”, que, já deu entrada sem vida na unidade de saúde.

O corpo foi removido para o IML da cidade de Itamaraju, para realização de necropsia, sendo liberado nesta sexta-feira (01), para os familiares. A segunda vítima foi identificada somente pelo primeiro nome, “Juceli”, vulgo “Jú”, que foi atingido por três tiros, sendo prestado os primeiros procedimentos de urgência na referida unidade hospitalar, e logo depois, foi transferido para outra unidade de saúde, não informada. Segundo informações extras-oficiais, o estado dele é grave.

As informações passadas para a nossa reportagem, foi que dois suspeitos passaram em uma motocicleta, não identificada, bem devagar próximo às vítimas, vindo o carona a disparar vários tiros, em direção dos mesmos, não havendo tempo de se proteger, ou até mesmo de correr do local. O Luan “Mamão”, teria sido preso no mês de novembro, após dois dias que teria cometido um homicídio, contra a vida de um menor de 16 anos, o “Gabriel Bispo dos Santos”, no qual os dois teriam trocado ameaças, por conta de uma carga de drogas, que teriam pegado de um traficante, que estaria preso no CPTF.

Eles teriam que pagar a droga e estavam tendo problema referente ao valor a pagar. Segundo informações, o réu confesso “Mamão”, teria ficado preso por um tempo, conseguindo o benefício de responder em liberdade pelo crime cometido. Policiais Militares chegaram a fazer diligência na cidade de Alcobaça na noite do ocorrido, mas, não houve êxito em prender algum suspeito.

O caso foi informado ao delegado titular de Alcobaça, Maderson de Souza, que abriu um inquérito policial para tentar identificar a motivação, e autores do crime.

Por: Cloves Neto/Liberdadenews

Acusado de estuprar bebê foi espancado até a morte em presídio: diz perícia


Eunápolis: O detento Rairone Moura dos Santos, 47 anos, foi morto por espancamento, conforme constatou a perícia. Acusado de estuprar um bebê de quatro meses, ele estava custodiado no presídio de Eunápolis há pouco mais de três meses.

O corpo foi encontrado por volta das 19h00 de sexta-feira (1º), dentro da cela que ele dividia com outros 18 detentos. Havia muitas lesões no tórax. De acordo com a informação que a polícia apurou junto aos agentes de disciplina da unidade prisional, por volta das 17h00, quando as celas são trancadas, Rairone ainda estava vivo.

Às 19h, conforme a investigação, os detentos pediram atendimento médico. Os agentes foram até a cela e já o encontraram morto. A cela é destinada a internos ameaçados de morte, que cometeram crimes de muita repercussão, como estupro ou pedofilia.

Para a polícia, é bem provável que Rairone teve os gritos sufocados por uma toalha ou outro tipo de tecido, pois os agentes contaram que não ouviram pedidos de socorro.

Nenhum dos ocupantes da cela admitiu o crime. A polícia abriu  inquérito para apurar o caso. A direção do presídio ainda não se manifestou sobre o assunto. O corpo foi periciado no Instituto Médico Legal de Eunápolis. Até o momento, nenhum familiar apareceu para providenciar a sua liberação.

CASO TEVE MUITA REPERCUSSÃO: Rairone estava preso desde 23 de fevereiro, cinco dias após o crime que chocou a população regional. De acordo com as investigações, ele raptou a criança da casa da mãe dela, no povoado de Santa Maria Eterna, município de Belmonte e depois a estuprou.

A garotinha foi abandonada em uma estrada de terra. Localizada por um caminhoneiro, ela foi trazida para o Hospital Regional de Eunápolis, onde precisou passar por várias cirurgias.

A procura ao acusado mobilizou toda a polícia. Rairone foi preso em uma mata, na localidade de Boca do Córrego, a pouco mais de 60 quilômetros de onde ocorreu o crime, que ele negava ter cometido.

Fonte: Radar64

PF deflagra ação contra grupo de SP suspeito de explodir empresa de valores em Eunápolis


Uma quadrilha de São Paulo suspeita de roubar uma empresa de transporte de valores em Eunápolis, é investigada pela Polícia Federal (PF) durante a Operação Costa do Descobrimento, deflagrada nesta segunda-feira, dia 28.  O crime ocorreu em 6 de março deste ano, quando um segurança foi morto.

Os bandidos chegaram em 11 automóveis e uma moto na cidade. Na época, eles bloquearam as entradas dos batalhões da Polícia Militar com carros, que foram incendiados. Em seguida, o grupo efetuou diversos disparos de fuzil, atingindo o segurança.

Durante investigação, a PF descobriu que a ação foi organizada por um consórcio de duas facções criminosas: Mercado Povo Atitude (MPA) e Primeiro Comando da Capital (PCC). Eles teriam alugado um galpão usando documentos falsos e chegaram a constituir empresas em São Paulo para abrir contas e movimentar o dinheiro obtido de forma ilícita.

Os agentes da PF cumpriram dois mandados de prisão temporária, cinco de busca e apreensão em Osasco e em São Paulo, além de bloqueio de valores em contas bancárias. (Informações: A Tarde)

Dois mortos e quatro baleados no interior de Itamaraju


Dois homens armados e a bordo de uma motocicleta, provocaram pânico na pacata comunidade do Povoado de Vila União, interior do município de Itamaraju, por volta das 23h deste sábado, dia 26 de maio.

Foram ouvidos estampidos em sequência, possivelmente de arma semi-automática e ao final do ataque a população deparou-se com Valmário Alves de Jesus, de 31 anos, natural de Itamaraju e Danilo Nunes Porto, 16, oriundo de Guaratinga, mortos em via pública, além de outras quatro pessoas baleadas.

Os feridos foram socorridos para o Hospital Municipal de Itabela e até a manhã deste domingo (27), não havia informações atualizadas sobre o estado de saúde deles. Na madrugada a delegada Waldiza Fernandes, adjunta de Itamaraju e o auxiliar de necropsia Anderson Barbosa, deslocaram-se ao Povoado de Vila União, onde procederam com o levantamento cadavérico e logo depois providenciaram a remoção dos corpos ao Instituto Médico Legal Nina Rodrigues de Itamaraju (IML).

No início da manhã deste domingo (27) a delegada Waldiza Fernandes informou a imediata instauração de um inquérito policial para investigar o crime. A primeira providência, segundo Fernandes, será ouvir as pessoas que foram feridas, o que só pode acontecer após a melhora no quadro de saúde das mesmas.

Treinador de futebol suspeito de abuso sexual é preso em Eunápolis


O treinador de futebol Gilberto Júnior Rocha da Silva, de 28 anos, conhecido como “Juninho”, foi preso nesta terça-feira, 22, suspeito de aliciar e abusar sexualmente de seus alunos na cidade de Eunápolis.

Conforme a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), os crimes aconteceram numa escola de futebol onde ele trabalhava. Juninho foi detido após policiais da 23ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Corpin) cumprirem mandados de prisão temporária, busca e apreensão.

De acordo com delegado Moisés Nunes Damasceno, as investigações começaram após denúncia de um adolescente. “No início, para atrair suas vítimas, ele se passava por uma mulher. Após enviar fotos com conteúdo pornográfico, obtidas por ele na internet, ainda fingindo ser menina, Gilberto induzia os garotos a também enviarem fotos”, explicou Damasceno, por meio de nota divulgada pela SSP-BA.

Com as fotos íntimas dos meninos, Juninho se identificava e passava a ameaçá-los, dizendo que divulgaria as imagens para toda a cidade, solicitando mais fotos e vídeos íntimos. “Ele coagia os adolescentes a realizarem cenas eróticas durante chamadas por vídeo ao vivo. Em outros casos, ele chegava a marcar encontros presenciais, mediante ameaça e praticava atos sexuais com as vítimas” detalhou o delegado, em nota.

Durante as buscas na casa de Juninho, foi apreendido material contendo imagens pornográficas de diversos adolescentes. A polícia também investiga a suspeita de outros sete casos. O treinador segue detido e à disposição da Justiça. (Informações: A Tarde)

Jovem de Itamaraju é investigado por supostamente integrar o Estado Islâmico


O carnaval da capital baiana esteva na rota de brasileiros que integravam o Estado Islâmico (EI) no país. Reportagem divulgada pelo jornal O Estado de S. Paulo nesta última quinta-feira (17) mostra que 11 brasileiros são investigados pelo Ministério Público Federal (MPF) por planejarem um atentado terrorista no país.

Na Bahia, as investigações estão no encalço de Matheus Pinaffo, de Itamaraju e um jovem de 22 anos de iniciais A. A. S. de Candeias, na Região Metropolitana de Salvador, esse que teria distúrbios psicológicos. A família Pinaffo é muito conhecida em Itamaraju, tendo um de seus membros exercendo o mandato de vereador do município. Eles ainda não comentaram as acusações que estão sendo feitas ao familiar.

Procurado pela imprensa, Matheus Pinaffo, não respondeu aos pedidos de informação até a publicação da reportagem de O Estado de S. Paulo. Após repercussão da ação da PF, Matheus alterou seu nome no perfil das redes sociais para Matheus Santos. No entanto, é possível ver em suas publicações que desde 2016 Matheus é seguidor do islamismo. Em uma de suas publicações aparece um vídeo da Jihad onde é exaltado a luta e Allah.

A denúncia do MPF é resultado da Operação Átila, da Polícia Federal. Dos sete detidos desde outubro do ano passado, dois continuam presos.  De acordo com o Jornal Correio da Bahia, há evidências de que eles realmente tinham intenção de levar o plano adiante com instruções para a fabricação de explosivos encontradas no celular de Welington Moreira de Carvalho, de 48 anos, que está preso.

Um diálogo entre os réus Jonatan da Silva Barbosa e Brian Alvarado, um peruano que não está entre os acusados, mostra os detalhes do plano de ataque no carnaval. Na conversa encontrada em um celular, Brian sugere uma ação no Rio inspirada no ataque à Ponte de Londres, em 2017, quando três terroristas do EI atropelaram e esfaquearam pedestres na capital britânica, matando 8 pessoas e ferindo 48. Jonatan, por sua vez, defende que o ataque aconteça em Salvador: “teria mais pessoas”.

A denúncia do MPF contra o grupo foi aceita pela Justiça Federal de Goiás no final do mês de abril. As investigações mostraram que havia dois grupos de WhatsApp, denominados “Estado do Califado no Brasil” e “Revolucionários Islâmicos”. Em cada um deles, segundo o MPF, havia mais de quatro denunciados que mantinham contato entre si. (Por Ronildo Brito)

VÍDEO: Mulher que diz só namorar com traficante aparece sendo executada


Achada a jovem Paola, de 18 anos que foi sequestrada em frente ao presídio central, e executada. Segundo informações foi achada na Tamanca, lomba do Pinheiro.

Há um vídeo circulando nas redes que mostra o momento da execução de Paola. Segundo informações, após a morte de Paola ela ainda teria sido estuprada.

Na madrugada do domingo, Paola fez uma postagem em seu facebook, citando que o ex marido teria postado suas fotos em um grupo de Whatsapp atribuídos a traficantes de uma das maiores facções do Rio Grande do Sul e na mensagem também dizia que “apanhava horrores” dele.

Após esta postagem, a jovem Paola foi dada como desaparecida até a divulgação do vídeo.

Outra versão:

Em um áudio que está circulando em grupos do WhatsApp ela fala que:

Pra pegar ela tem que ter no mínimo:

  • 3 passagens pela polícia

E se quiser namorar sério, tem que ter pelo menos:

  • Um homicídio
  • Um 33 (tráfico de drogas)
  • Tem que andar todo de Billy mesmo (trajado)
  • Tem que falar só na vinheta (gíria)

Veja o vídeo do crime:

Mais uma: Moto roubada em Teixeira de Freitas é recuperada no interior do Prado


Na manhã desta quinta-feira, dia 17 de maio, por volta das 10h, uma guarnição da 88ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), em rondas ostensivas no distrito de Corumbau, município do Prado, recuperou uma motocicleta Honda Fan 160, de cor vermelha, placa policial PJR-3429, licenciada em Teixeira de Freitas.

A moto, segundo os militares, foi roubada por dois suspeitos armados no último dia 17 de abril, por volta das 19h, no bairro Nova América, região leste de Teixeira de Freitas. Os suspeitos suprimiram o chassi e tiraram a placa do veículo para dificultar sua identificação, que só foi possível graças a outras sinalizações de fabricação.

A motocicleta foi apresentada à Delegacia da Polícia Civil do Prado (DT), que segue investigando o caso. O proprietário será contatado para fazer a retirada do bem.