Greve: Transportadoras são multadas em R$ 506,5 milhões


O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu nesta sexta-feira, dia 8, aplicar multa a 46 empresas transportadoras, atendendo a um pedido da Advocacia-Geral da União (AGU). De acordo com a AGU, o valor cobrado chega a R$ 506,5 milhões.

As multas são referentes ao descumprimento de decisão judicial que determinou a desobstrução de rodovias federais durante a greve dos caminhoneiros. No auge da crise, Moraes acolheu pedido de medida cautelar da AGU e autorizou o uso de força e a imposição de multa de R$ 100 mil por hora às entidades responsáveis pelos atos e de R$ 10 mil por dia para cada motorista.

Conforme a decisão do ministro, os pagamentos deverão ser efetuados em um prazo de 15 dias. Caso as valores não sejam depositados, Moraes determinou a penhora de bens das empresas.

Empresário Paschoal Laviola morre em acidente na BR-367


Porto Seguro: O empresário Paschoal Pedra Laviola morreu carbonizado, em um acidente no início da noite desta terça-feira (05), na BR-367, no município de Porto Seguro. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, ele seguia em direção a Eunápolis, em um Gol vermelho, quando bateu de frente com um caminhão.

Uma testemunha que vinha logo atrás relatou para a polícia que Paschoal desviou de uma pessoa que estava de bicicleta no meio da pista. Ao ir para a contramão, o condutor acabou atingindo o caminhão. A polícia acredita que a explosão tenha sido instantânea. Os bombeiros apagaram o incêndio. O ciclista e o caminhoneiro não ficaram feridos.

Até a última atualização desta notícia, o corpo ainda não havia sido removido das ferragens. Estava sendo realizada a perícia. O acidente ocorreu no km 55 da rodovia, nas proximidades de um borboletário, na região de Vera Cruz.

Filho de uma tradicional família de fazendeiros de Itabela, Paschoal Laviola era casado com a vereadora licenciada em Porto Seguro, Lívia Bittencourt, que atualmente ocupa o cargo de secretária de Assistência Social naquele município.

Bahia é estado que mais mata jovens; taxa cresceu 123,8% em 10 anos


Bahia: Dentre as 27 unidades federativas do país, a Bahia é a que mais registra homicídios de pessoas entre 15 a 29 anos de idade. De acordo com dados do Atlas da Violência, produzido pelo Ipea e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP) e divulgado nesta terça-feira (5), foram 4.358 homicídios de jovens em 2016 no estado.

De 2006 a 2016, houve um aumento de 123,8% nos homicídios, quinto maior aumento do país. Também foi registrado um acréscimo de 22,5% no número de homicídios de 2015 para 2016. O número de homicídios por estado foi resultado da soma dos óbitos causados por agressões mais intervenção legal. O registro segue a tendência do país, que superou o patamar de trinta mortes por 100 mil habitantes pela primeira vez na história.

São cerca de 60 mil a 65 mil casos por ano. Ainda de acordo com o Atlas, 11 estados apresentaram crescimento gradativo da violência letal nos últimos 10 anos, sendo que, com exceção do Rio Grande do Sul, todos se localizam nas regiões Norte e Nordeste do país.

Mulher é acusada de jogar água fervente nos órgãos genitais do ex-marido em Medeiros Neto


José Luciano da Silva, de 50 anos, teve os seus órgãos genitais queimados por água fervente na tarde desta última segunda-feira (04), no bairro Olaria, em Medeiros Neto.

A vítima contou que havia acabado de chegar do trabalho e conversava sentado com um amigo, quando sua ex-mulher, que mora próximo à sua casa chegou com uma vasilha com água fervente e jogou sobre ele.

A vítima teve queimaduras no tórax e nos órgãos genitais. Ele foi encaminhado para o hospital pela Polícia Militar e logo depois uma guarnição fez buscas pela acusada, que não foi localizada.

Apesar de ter sofrido queimaduras fortes o estado de saúde da vítima não é considerado grave, apesar dele continuar internado. A polícia ainda informou que no mês de abril a acusada já havia agredido o ex-companheiro com uma alavanca.

A expectativa é que a mulher responda por lesão grave.

Homem morre no Centro de Alcobaça vítima de choque elétrico: Polícia investiga o caso


Alcobaça: A Polícia Militar de Alcobaça foi acionada para atender a uma ocorrência de acidente doméstico, com vítima fatal, por choque elétrico (eletroplessão), fato ocorrido na manhã deste sábado, 02 de junho, na Avenida Atlântica, no Centro da cidade. A vítima foi identificada como
Luciano José dos Santos Gonçalves, 34 anos.

O corpo foi encontrado pelo pai da vítima, por volta das 09h00, e segundo informações, a vítima colocava uma gambiarra no padrão da residência e acabou levando o choque. O corpo foi removido ao IML de Itamaraju, e o caso foi apresentado à delegada plantonista, Maria Luíza Ribeiro (Plantão Regional), para as devidas providências.

A delegada instaurou inquérito policial para investigar as circunstâncias do ocorrido. Após necropsia, o corpo será liberado aos familiares para velório e sepultamento.

Carga de oxigênio é escoltada para clínicas e hospitais no sul do estado


A polícia Rodoviária Federal (PRF), realizou durante a noite da última segunda-feira, 28, uma escolta a um caminhão carregado com oxigênio hospitalar para Ilhéus e Itabuna, no sul do estado.

A escolta teve início no município de Teolândia (a 281 quilômetros de Salvador), com destino ao Hospital de Ilhéus e a Clínica Hiperbárica de Itabuna.

De acordo com informações da PRF, o trabalho contou com dois policiais rodoviários federais, garantindo a chegada em segurança o veículo e da sua carga aos seus destinos. 

Cresce chance de Temer não terminar mandato, dizem membros do Congresso e STF


Aliados de Michel Temer no Congresso Nacional e ministros do Supremo Tribunal Federal afirmam que o governo atingiu um nível extremo de enfraquecimento político, não descartando, em caso de piora na situação, o risco de a gestão não conseguir se sustentar nos sete meses que lhe restam.

A avaliação ouvida pela reportagem é a de que a crise com os caminhoneiros atingiu um dos últimos resquícios de credibilidade da administração, a área econômica. Temer completou no último dia 12 dois anos de governo como o presidente, na média, mais impopular desde pelo menos a gestão de José Sarney (1985-1990).

Mas vinha batendo na tecla de que em sua administração a inflação foi reduzida e o país saiu da recessão, embora em ritmo mais lento do que o esperado. Com a crise da greve dos caminhoneiros, o país passa por uma grave situação de desabastecimento, cenário não detectado pelo governo apesar de alertas nessa direção.

Emparedado, o Palácio do Planalto foi obrigado a ceder em vários pontos, em uma demonstração do enfraquecimento político que vive, mas mesmo assim não conseguiu até esta segunda-feira (28), oitavo dia da crise, encerrar a paralisação. “Não é o caminhoneiro, é o brasileiro que não admite a Presidência do Temer. O PT insistiu na Dilma. Deu no que deu”, afirmou em nota o líder da bancada do aliado DEM, o senador Ronaldo Caiado (GO).

“A greve dos caminhoneiros detonou a popularidade do Temer e do governo, a população está revoltada. O governo tinha ainda certa credibilidade na equipe econômica. Era um alicerce importante”, afirma o deputado Rogério Rosso (DF), do também aliado PSD.

Um dos principais correligionários de Temer na Câmara, o deputado Beto Mansur (MDB-SP) afirma que todo o espectro político perde, não só Temer. “Tivemos um problema na questão da inteligência do governo, de não saber o tamanho da ‘trolha’, essa é minha opinião, mas tem que procurar resolver. Esse é um processo perde-perde, ninguém ganha”.

Nos bastidores do STF, a avaliação de ministros é a de que o governo subestimou os caminhoneiros. No caso de o desabastecimento se agravar, há, na visão desses magistrados, o risco de uma revolta de maior proporção, com ameaça ao já cambaleante mandato de Temer.

Ainda de acordo com integrantes da corte, o emedebista e o seu entorno estão longe de representar uma voz com força para dialogar com diferentes grupos sociais. Eles afirmam que em um momento como esse era preciso que Temer procurasse institucionalmente os governadores e chefes de outros poderes. Mas a interlocução do Palácio do Planalto com o STF tem sido feita pelo ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, que já conversou com quase todos os 11 magistrados, pessoalmente e por telefone.

Na quinta-feira (24), ele se reuniu por cerca de uma hora com Gilmar Mendes, em Brasília. Nesta segunda (28), o encontro foi com Alexandre de Moraes. No Congresso, Temer busca se reaproximar do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que é pré-candidato à sua sucessão.

Durante o fim de semana, quando tentava se desvencilhar da crise, Temer chamou apenas o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), para conversar. Não procurou Maia. Nesta segunda-feira (28), os deputados Baleia Rossi (MDB-SP) e Pauderney Avelino (DEM-AM) costuraram uma conversa entre Temer e Maia, que foi ao Palácio do Planalto no início da tarde. (Folha Press)

PRF-BA realiza escoltas de veículos em Conquista e Porto Seguro


Polícia Rodoviária Federal da Bahia (PRF-BA) realizou no sábado, dia 26, duas escoltas de caminhões que levavam itens de abastecimento nas cidades de Vitória da Conquista e Porto Seguro.

Em Vitória da Conquista, onde já foi decretado estado de emergência por conta da greve, veículos da prefeitura municipal receberam acompanhamento policial ao levar combustível e insumos para o hospital regional da cidade. Já no município de Porto Seguro, um caminhão-tanque foi escoltado para o abastecimento do aeroporto.

Durante a paralisação dos caminhoneiros, a instituição, juntamente com os outros órgãos de segurança pública, vem realizando escoltas de caminhões e outros veículos necessários à manutenção de setores essenciais em todo o país.

Nesta segunda: Caminhoneiros mantêm mobilização nas rodovias da Bahia


Os caminhoneiros mantêm a mobilização nas estradas na manhã desta segunda-feira, 28, um dia após o presidente Michel Temer anunciar um pacote de medidas  atendendo pontos de reivindicações dos manifestantes. Uma das solicitações é a redução de R$ 0,46 no preço do litro do diesel.

Apesar da promessa do governo, os caminhoneiros não deixaram as rodovias. Na Bahia, há manifestações em pelo menos 15 pontos. A estrada mais afetada é a BR-116, que tem atos nos km 835, 817, 015 e 814, em Vitória da Conquista; nos km 779 e 759, em Poções; no km 709, em Manoel Vitorino; no km 672, em Jequié; no km 539, em Milagres; no km 521 e 517, em Itatim; e no km 459, em Santo Estevão.

Também há movimento na BR-324, no km 542, na altura de Amélia Rodrigues. Já nas rodovias estaduais, os protestos acontecem na BA-526, no km 13, e na BA-535, km 10, sentido Camaçari.

Os caminhoneiros não interditam essas rodovias. A categoria permanece nos acostamentos ou em áreas de postos de combustível. Com isso, a passagem de veículos de passeio e ônibus é liberada. Apenas caminhões e carretas são parados pelos manifestantes.

Esse já é oitavo dia de mobilização dos caminhoneiros. O movimento causou o desabastecimento de todo país, afetando diversos setores, como de postos de combustível e supermercados.(Informações: A Tarde)

Avião da Força Aérea Brasileira cai no Rio; pilotos conseguem se ejetar


Um avião F5 da Força Aérea Brasileira (FAB) sofreu uma pane e caiu na manhã desta quinta na Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro. Segundo a Aeronáutica, os pilotos conseguiram se ejetar da aeronave antes da queda.

Ainda de acordo com a Aeronáutica, a pane ocorreu depois de o avião decolar da Ala 12 da Base Aérea de Santa Cruz, por volta das 7h40.

A PRF informou que a aeronave caiu nas proximidades da Rodovia Rio-Santos (BR-101), próximo à Cidade das Crianças, mas não chegou a atingir a rodovia.