Carro bate em caminhão e motorista morre na BR-101



Itabela: O comerciante de artesanatos Givanildo Pereira da Silva, 62 anos, morreu em um acidente por volta das 17h de quinta-feira (21) na BR-101, no município de Itabela. O filho dele, Acílio Oliveira dos Santos, 20 anos, teve ferimentos graves. O carro dirigido por Givanildo, um Uno modelo antigo, invadiu a faixa contrária em uma curva e bateu de frente com um caminhão, conforme constatou a Polícia Rodoviária Federal.  O corpo de Givanildo ficou preso nas ferragens. O filho foi socorrido pelo Samu e está internado no Hospital Regional de Eunápolis.

No caminhão, além do motorista Edson Pereira da Silva, 52 anos, viajavam mais dois homens de 29 e 22 anos. Os três são moradores de Itabela e saíram ilesos. O caminhoneiro realizou o teste de bafômetro. O resultado deu negativo para o uso de bebida alcóolica. No local onde ocorreu a colisão, na altura do km 771 da rodovia, a sinalização indica que é proibida a ultrapassagem nas duas pistas. “Mas ainda não temos como precisar se o Uno realizou uma ultrapassagem ou derrapou, pois a pista estava molhada”, frisou o policial.

Givanildo e o filho haviam se mudado do município baiano de Morro de São Paulo há pouco tempo. Eles estavam morando no distrito de Monte Pascoal, em Itabela, onde produziam artesanatos. Pai e filho voltavam para casa, depois de mais um dia de trabalho. O corpo de Givanildo deve ser liberado do Instituto Médico Legal de Eunápolis ainda na manhã desta sexta-feira (22).  Um inquérito vai ser aberto para apurar o caso.