Réveillon: Alcobaça terá 4 dias de festa e Prado ainda aguarda programação


programação oficial para o réveillon 2019 de Alcobaça foi divulgada no último fim de semana. Com quatro dias de festa, o evento começa no próximo sábado, 29 e vai até o dia 1º de janeiro, terça-feira.

O destaque da programação é o cantor Kaio Oliveira, que deve puxar a contagem regressiva para a virada do ano, seguida de uma queima de fogos.

O município de Prado, que disputa a preferência dos turistas com Alcobaça, ainda não divulgou a programação de fim de ano. A cidade sedia no próximo dia 29, uma festa privada que já é tradição local e conta com apoio da prefeitura.

A expectativa dos pradenses é que a grade musical para a virada, seja muito melhor que a do ano passado.

Confira a programação de Alcobaça

Sábado: 29/12

  • 22:00 Xelao
  • 00:00 Nildo Rocha
  • 02:00 Grouveiin

Domingo: 30/12

  • 15:00 Daniel show e Banda
  • 22:00 Dieguinho Boy
  • 00:00 Oz Bambaz
  • 02:00 Junior Koch

Segunda-Feira: 31/12

  • 15:00 Fantasia do Samba
  • 22:00 Balada Vip
  • 00:00 Kaio Oliveira (Virada de Ano, Queima de fogos)
  • 02:00 Tropa da Bregadeira

Terça-Feira: 01/01

  • 15:00 – Tropa da Bregadeira

Integrante de motoclube morre em acidente na BR-101


Itapebi: Um acidente na BR-101, na manhã deste domingo (16), a 66 quilômetros de Eunápolis, deixou um homem morto. Márcio Cléber Costa dos Santos, 48 anos, era integrante do moto clube Dragões da Liberdade, de Inhambupe (BA) e voltava de um encontro em Santa Cruz Cabrália.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, a moto conduzida por Márcio foi atingida por um carro, que invadiu a contramão durante uma ultrapassagem nas proximidades de Ventania, em Itapebi. Uma equipe do Samu ainda tentou reanimá-lo.

A motorista do carro, Tatianne Santos Jovita, de 47 anos, moradora de Ilhéus, ficou ferida e recebeu atendimento no Hospital Regional de Eunápolis. Havia dois passageiros no veículo. Uma mulher também precisou de atendimento médico e um homem ficou ileso.

Policiais Civis disseram que foram ao hospital ouvir Tatianne, mas ela já havia recebido alta e não se apresentou na delegacia. O delegado Cícero Feitosa disse que vai intimá-la para depor.

O evento By-By, realizado anualmente, reúne motociclistas de diversos estados. Em 2018, o município escolhido foi Santa Cruz Cabrália. O encontro aconteceu de quinta a domingo. Segundo o motoclube, Márcio voltava ao lado de um amigo, que estava em outra moto. “Lamentamos a morte do nosso irmão”, diz o motoclube.

O corpo de Márcio foi necropsiado no Instituto Médico Legal, em Eunápolis. O enterro está previsto para esta segunda-feira (17), às 16h, no Cemitério Bosque da Paz, na Estrada Velha do Aeroporto, na capital baiana. Márcio morava em Salvador, onde era dono de uma gráfica, era solteiro e deixa um filho de menos de ano.

Fonte: Radar64

Jutahy Junior e empresários são denunciados pela PGR por ‘Caixa 3’


O deputado federal Jutahy Magalhães Júnior (PSDB/BA) foi denunciado pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, por irregularidades na prestação de contas da campanha de 2010. A denúncia foi apresentada por Dodge ao Supremo Tribunal Federal (STF) nesta sexta-feira, 14.

De acordo com a denúncia, o baiano teria informado ao Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE/BA) ter recebido R$ 30 mil das empresas Leyroz de Caxias Indústria e Logística e Praiamar Indústria, Comércio e Distribuição. A doação do valor, no entanto, segundo as investigações com base em deleção premiada, teria sido feita pelo Grupo Odebrecht.

Além de Jutahy, mais três pessoas foram denunciadas. São elas: Benedicto Barbosa da Silva Júnior e os empresários Walter Faria, do grupo Petrópolis, e Roberto Luiz Ramos Fontes Lopes, dono da Leyroz e da Praiamar. Eles, segundo a procuradoria, “intermediaram a dissimulação das informações referentes à doação”.

Este tipo de prática é definido como “Caixa 3”. O termo, de acordo com a PRG, “é usado para as doações eleitorais feitas a políticos pelo Grupo Odebrecht por intermédio de outras pessoas jurídicas”.

Em nota, a PGR informou que Jutahy “confirmou ter recebido a doação do Grupo Odebrecht e também que, na prestação de contas, a doação foi atribuída às empresas Leyroz de Caxias Indústria e Logística e Praiamar Indústria, Comércio e Distribuição”.

Ainda conforme informações da procuradoria, “os investigadores constataram que Walter Faria foi procurado por Benedicto Barbosa para fazer doações a pedido da Odebrecht que, posteriormente, compensaria o grupo Petrópolis pelo ‘favor’. Como Walter Faria não queria que sua empresa aparecesse como grande doador eleitoral, entrou em contato com Roberto Lopes que atendeu à demanda e fez constar oficialmente na prestação de contas, como doadoras, suas empresas”.(Fonte: A Tarde)

Mulher é morta a pauladas durante bebedeira no interior de Mucuri


Ana Paula da Silva Santos, que não teve a idade revelada à imprensa, foi morta a pauladas neste último domingo, dia 16 de dezembro, nos fundos de uma casa em Belo Cruzeiro, distrito pertencente ao município de Mucuri.

Testemunhas disseram à polícia que Ana Paula bebia em companhia de José Carlos Monteiro Almeida, o “Alemão” e que após uma discussão, foi violentamente agredida pelo homem a pauladas, que atingiram-lhe várias partes do corpo, principalmente na região da cabeça.

Populares ouviram a mulher gritando por socorro e imediatamente adentraram ao imóvel, onde encontraram Ana Paula morta e o agressor tentando fugir ainda com o pedaço de madeira usado no crime numa das mãos.

Informações dão conta que os populares conseguiram segurar o assassino, que só não foi linchado por causa dos apelos de alguns moradores. “Alemão” foi entregue à Polícia Militar e por causa dos ferimentos das agressões precisou ser socorrido ao Hospital Municipal de Teixeira de Freitas (HMTF), onde recebeu atendimento médico e logo depois foi apresentado à sede da 8ª Coorpin, onde permanece custodiado à disposição da Justiça.

O corpo de Ana Paula da Silva Santos foi removido ao Departamento de Polícia Técnica de Teixeira de Freitas (DPT). O crime chocou os moradores do pequeno distrito de Belo Cruzeiro. (Da redação TN)

Sul da Bahia: Casal preso com 120 quilos de maconha e vendedores de carro que sumiram


Um casal foi preso com cerca de 128 quilos de maconha, em Ilhéus, neste domingo (16). De acordo com a Polícia Civil, após uma denúncia de que o imóvel em que os suspeitos estavam era usado como depósito de drogas, policiais da 1ª Delegacia estiveram no local e fizeram a apreensão.

Os suspeitos foram identificados como Wagner da Silva Alves e Silvana Santos de Lima. No imóvel, os policiais acharam a maconha dividida em 149 tabletes e uma balança usada para pesar o material. A droga, segundo a polícia, seria distribuída na região.

Já em Itabuna, dois homens, um deles dono de uma revendedora de veículos seminovos, estão desaparecidos desde a última sexta-feira (14), após venderem um carro e receberem o pagamento da comercialização. As informações são da Polícia Civil da cidade, divulgadas nesta segunda-feira (17).

Segundo a polícia, Neilton Santos de Andrade e Anderson Junior Assis Souza saíram de Itabuna e foram para Itajuípe, distante cerca de 20 quilômetros do ponto de partida e desde então não deram mais notícia.

A Polícia Civil de Itabuna já foi comunicada sobre os desaparecimentos e está investigando o caso.(Informações: G1)

Depoimento de João de Deus tem fio queimado, teclado quebrado e escrivão acidentado


Após se entregar a polícia em Goiás, no início da noite de domingo (16), João de Deus assustou investigadores, escrivãos e a delegada com seu depoimento que gerou reações sobrenaturais. Foram gritos, fio queimado, teclado quebrado e agente ferido. As informações são do jornal Folha de São Paulo.

Segundo os presentes, quando o médium começou a falar, a primeira ação inusitada foi com o computador, usado para registrar as falas do autor, que parecia ter vida própria. “Você apertava uma tecla e ela OOOOOOOOO…”, contou a delegada Karla Fernandes, coordenadora da força-tarefa responsável pelo caso na Polícia Civil. Logo após o fenômeno, Karla decidiu ligar o ar-condicionado, e para isso teria usado uma extensão, que em segundos teve seu fio explodido e ainda queimou o frigobar. “Todo mundo gritou”, contou Karla à Folha.

Além disso, o interrogatório estava programado para ocorrer em Anápolis (GO), mas mais um imprevisto ocorreu. O escrivão que tinha sido escalado para descrever o caso foi atropelado na BR-060, a caminho da delegacia, e quebrou o braço. Por isso, o depoimento teve que ser transferido para Goiânia (GO).

A delegada disse ainda que foi possível passar por todos os sustos e o interrogatório durou mais de duas horas. Ela ressaltou que estão diante de uma situação que envolve crenças e energias. “Não tenho medo, tenho respeito, até porque sou espiritualista”, comentou a delegada.

Problemas no Plantão Regional e protesto de populares marcam prisão de palhaço acusado de estupro em Itamaraju


Itamaraju: A Polícia Militar de Itamaraju prendeu na manhã deste domingo, 09 de dezembro, um palhaço de circo, acusado de abusar de uma jovem de 21 anos, que apresenta deficiência mental, no Bairro Marotinho, em Itamaraju. Segundo informações, o palhaço Javerson Brito dos Santos, que trabalha em um circo situado no Bairro Marotinho, foi preso às margens da BR-101, quando tentava pedir carona para fugir do município de Itamaraju.

O suspeito era procurado após acusação de violentar a jovem com distúrbios mentais. O abuso teria acontecido neste sábado (08). Após o abuso, populares saíram à caça do suspeito, mas ele conseguiu fugir. Porém, após denúncias, a Polícia Militar conseguiu chegar até o acusado, que foi preso pela guarnição da 43ª CIPM. Javerson foi conduzido para a Delegacia da Polícia Civil de Itamaraju, e como o Plantão Regional já havia se encerrado, o acusado foi levado para Teixeira de Freitas.

Como no domingo durante o dia não tem Plantão Regional, o delegado plantonista da Delegacia Territorial de Teixeira de Freitas não recebeu o acusado para lavrar o flagrante. O fato provocou insatisfação nos militares que viajaram 120 quilômetros (ida e volta) sem realizar o flagrante do acusado.

O caso evidencia o absurdo e o descaso da Segurança Pública nos fins de semana, onde as 13 cidades da 8ª COORPIN não têm delegado nos fins de semana e o Plantão Regional não funciona no domingo durante o dia. Sabendo que o acusado voltaria pra Itamaraju, um grupo de pessoas realizou o bloqueio da Avenida ACM, nas imediações da Delegacia da Polícia Civil como forma de protesto. Gritos de ordem e pneus foram queimados na frente da Delegacia de Itamaraju.

Nossa equipe de reportagem por diversas vezes criticou o funcionamento desse Plantão Regional, pois, uma equipe de plantão em Teixeira fica responsável por todas as delegacias da região, exceto Itamaraju e Jucuruçu que passaram ter um Plantão Regional próprio. As demais cidades são atendidas em Teixeira, a partir das 18h00 de segunda a sexta, e nos fins de semana. Isso leva os militares dessas cidades a viajarem até 300 quilômetros (ida e volta) para apresentar criminosos para que sejam lavrados os flagrantes.

Em contato telefônico com a delegada coordenadora da 8ª COORPIN, Valéria Chaves, nossa equipe de reportagem foi informada que a delegada titular de Itamaraju, Rosângela Sousa, se dirigiu até a Delegacia de Teixeira de Freitas para lavrar o flagrante por estupro. Ou seja, uma guarnição da PM teve que realizar mais uma vez esse percurso, viajando mais 120 quilômetros para que o flagrante seja lavrado. Os riscos são enormes para os militares que estão em trânsito, e também para os municípios que ficam por um longo período de tempo com uma quantidade menor de policiais à disposição.

or: Edvaldo Alves/Liberdadenews

Índio mata a esposa e depois comete suicídio em aldeia do Prado


O homicídio seguido de suicídio aconteceu na tarde deste domingo, dia 9 de dezembro, na Aldeia Tauá, em Corumbau, litoral norte do Prado, quando Arivaldo Conceição Alves, o “Ary”, assassinou sua própria esposa, Maria Aparecida Oliveira Rodrigues, 41, a pauladas e golpes de facão. Após matar a companheira “Ary” cometeu suicídio por enforcamento.

Testemunhas disseram que ao chegar na casa do casal já encontraram Arivaldo morto, enquanto Maria Aparecida ainda apresentava sinais vitais. Ela foi socorrido ao Hospital Municipal de Itamaraju (HMI), onde também veio ao óbito por não resistir ao graves ferimentos que sofrera.

No fim da tarde, após guia expedida pela Delegacia Territorial do Prado (DT), os corpos foram removidos ao Instituto Médico Legal Nina Rodrigues de Itamaraju (IML). A Fundação Nacional do Índio (Funai) já foi informada sobre o ocorrido.

TERROR: Polícia registra 21 homicídios em Salvador e RMS no final de semana


A Secretaria de Segurança Pública da Bahia registrou 21 óbitos neste final de semana, em Salvador e cidades da Região Metropolitana (RMS). Conforme aponta o boletim da pasta, os crimes iniciados ainda na madrugada de sábado (8) atingiram 19 homens e duas mulheres. O último caso foi registrado por volta das 23h58 de domingo (9).

Na capital, os crimes violentos letais ocorreram nos seguintes bairros: Arraial do Retiro, Cassange (2), Nova Brasília de Valéria, Boca do Rio, Garcia, Lobato, Plataforma, Pau Miúdo, Uruguai, Marechal Rondon, Cabula e Castelo Branco. Já nos municípios vizinhos as mortes foram registradas em Camaçari (2), Candeias (2), Lauro de Freitas, Dias D’Ávila e Mata de São João (2).

Segundo os dados da SSP, as idades das vítimas variam entre 13 a 75 anos. Sete delas não foram identificadas nos locais dos crimes. Duas foram as “ocorrências tentadas contra a vida”. As vítimas das tentativas foram identificadas como Reginaldo Ferreira de Freitas, 39 anos (Camaçari); e Willian Carlos Matos da Silva, 33 (Periperi, Salvador).

Os casos serão investigados pelas delegacias territoriais e pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). (Informações: Bocão News)

Corpo de menina de 10 anos é encontrado com sinais de estupro


O corpo de Helen Conceição da Silva Barbosa, de 10 anos, foi encontrado sem short e calcinha, segundo o pai da criança, José Marcelo Barbosa, de 36 anos. De acordo com ele, a criança dormiu em casa na sexta-feira, mas foi raptada ainda de madrugada. Seu corpo foi localizado com sinais de estupro por volta das 16h do dia seguinte na Rua Gilberto, na comunidade Teodoro, do bairro Itaipu, em Belford Roxo.

— Eu estou arrasado. Foi como se tivessem tirado um pedaço de mim — diz o pai da menina.

Dos quatro irmãos, Helen era a mais velha. A família vive numa casa sem fechadura. No lugar da janela, há um pano para tentar aplacar a luz do dia. Marcelo trabalha como camelô e há dois anos vive no imóvel.

— Eu estava tentando comprar uma janela, mas não deu tempo — diz, chorando: — No dia que ela sumiu, fomos para Nova Iguaçu. Ficamos a tarde toda lá. Chegamos em casa por volta das 18h. Ela estava feliz. Eu comprei picolé para ela. De noite, minha mulher me acordou às 2h25 dando falta da minha filha. Só no outro dia achamos. Ela estava sem o short e a calcinha. Só com a blusinha preta que vestia e o cobertor que usava. Abusaram da minha filha.

Pessoas que conheceram a menina a descrevem como uma criança “fofa” e lamentam a perda. Pelas redes sociais, uma ex-professora da criança fez um desabafo.

“Uma menina sempre feliz e muito carinhosa, mesmo com todas as dificuldades que passava. Ainda não consigo acreditar nessa tragédia! Ela foi minha aluna no 3º ano, uma criança sempre ativa e ao mesmo tempo muito carinhosa, adorava abraçar todos os dias quando chegava pela manhã. Não tenho nem palavras para descrever o quanto essa notícia dói. Agora, Helen descansa nos braços do Pai. Mais um anjinho para brilhar no céu”, escreveu.

Fonte: Extra